A FORÇA DO MITO: Bolsonaro venceria seus adversários, em 2022, segundo Veja

COMPARTILHE!

A nova pesquisa eleitoral Veja/FSB, publicada nesta quinta-feira (13/02), revelou que o presidente Jair Bolsonaro venceria seus principais rivais nas eleições de 2022.

De acordo com os dados publicados pela revista, Bolsonaro deu uma guinada para cima de 33% para 37%, enquanto os possíveis adversários, como Fernando Haddad (PT), Ciro Gomes (PDT) e Luciano Huck, (o candidato da Globo), pararam no tempo.

O petista e ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, que na última pesquisa tinha 15% desceu a ladeira para 13%, ficando empatado tecnicamente com o candidato da Rede Globo, Luciano Huck que aparece com 12%.

Bem mais abaixo de Ciro Gomes, que tem 11%, surgem o empresário João Amoêdo (Novo), com 4%, e o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 3%.

O serelepe governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel, que quer ser candidato a presidente, nem aparece nas pesquisas.

Já o ex-presidente Lula, que está inelegível até 2022, aparece em um dos cenários empatado tecnicamente com Bolsonaro. O mito teria hoje 45% das preferências contra 40% do petista.

A pesquisa, realizada pelo instituto FSB Pesquisa, entrevistou 2 mil eleitores por telefone.

A margem de erro no total da amostra é de 2 pontos porcentuais, com intervalo de confiança de 95% – ou seja, se a pesquisa fosse realizada 100 vezes, em 95 delas os resultados seriam esses.

Confira como ficaram os cenários:

Cenário 1

Jair Bolsonaro – 37%
Fernando Haddad – 13%
Luciano Huck – 12%
Ciro Gomes – 11%
João Amoêdo – 5%
João Dória – 3%
Cenário 2

Jair Bolsonaro – 31%
Lula – 28%
Luciano Huck – 11%
Ciro Gomes – 8%
João Amoêdo – 5%
João Dória – 4%
Cenário 3

Sergio Moro – 31%
Luciano Huck – 16%
Fernando Haddad – 14%
Ciro Gomes – 12%
João Amoêdo – 5%
João Dória – 4%

COMPARTILHE!