A FORÇA DO POVO! Witzel: ‘Alerj é pressionada por redes sociais’

Governador afastado usou as redes sociais nesta quinta-feira e disse que Alerj está cometendo ‘um grande erro’. Na quarta (23), foi aprovado o pedido de impeachment por 69 a 0 e autorizada a abertura de um processo por crime de responsabilidade.

Em um pronunciamento feito na manhã desta quinta-feira (24) no Twitter, o governador afastado Wilson Witzel (PSC) afirmou que enfrenta o processo de impeachment de “cabeça erguida”. Ele afirmou ainda que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) está cometendo um “grande erro” e que foi “pressionada pelas redes sociais”.

Na quarta (23), a Alerj aprovou o pedido de impeachment por 69 a 0 e autorizou a abertura de um processo por crime de responsabilidade. O único parlamentar que não votou está com Covid-19 e licenciado.

Continua depois da publicidade

“Enfrento esse processo de impeachment de cabeça erguida porque nunca compactuei com a corrupção em toda a minha vida. Provarei minha inocência mesmo sofrendo um linchamento moral e político a partir da palavra, sem provas, de delatores, ou seja, de bandidos confessos”, disse Witzel.

G1

COMPARTILHE A NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS

Marco Aurélio antecipa voto a favor de depoimento por escrito de Bolsonaro e manda recado humilhante para integrantes do STF

CHORA! Lei do Retorno: Joice perde para ‘Mamãe Falei’ em São Paulo

Selecionados para você!