Amor ou amizade? PTB promove notícia-crime contra o ministro Alexandre de Moraes

COMPARTILHE!

PTB protocolou na Procuradoria Geral da República, pedindo a propositura de ação penal própria contra o ministro Alexandre de Moraes, STF, tudo em função de atos arbitrários cometidos no decorrer das investigações relacionadas com o inquérito ilegal das fake news.

O ministro mandou fazer busca e apreensão na casa do presidente do partido, Roberto Jefferson. O advogado do ex-deputado pediu acesso aos autos por duas vezes e o ministro não respondeu, numa terceira vez mandou mensagem de WhatsApp abrindo vistas, negou-se depois a fazer isto e até impediu a entrada do procurador na sede do STF. Até hoje, Moraes não permitiu exame dos autos na sua integralidade.

A OAB jamais falou sobre estes obstáculos ilegais à atividade dos advogados.

O PTB pede que Alexandre de Moraes responda pelas condutas previstas no artigo 32 da Lei de Abuso de Autoridade.

O advogado do Partido, Luiz Gutavo Pereira da Cunha quer que o PGR inicie ação penal contra Moraes.

COMPARTILHE!

Afinal, foi ou não foi? Alexandre Moraes processa Roberto Jefferson por ser chamado de “advogado do PCC”

Vídeo: Bolsonaro OVACIONADO, povo canta hino na beira da estrada, quando o Brasil viu coisa assim?