Arthur Lira nega que assumirá a Presidência: “Fofoca”

Compartilhar

Nesta quinta-feira (15), o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), classificou como “fofoca” a notícia de que teria sido contatado pelo Planalto para que assumisse interinamente a Presidência da República.

O presidente Jair Bolsonaro está internado desde quarta-feira (14), em São Paulo, para tratar uma obstrução intestinal. Na ausência do chefe do Executivo, quem assumiria o comando do país seria o vice-presidente. Mas Mourão está em viagem oficial na Angola.

O próximo na linha de substituição é Lira. Ao jornal Valor Econômico, ele afirmou que Bolsonaro volta a Brasília nesta sexta-feira (16).

Mesmo sendo o substituto imediato, Lira pode não assumir o Executivo por ser réu em ação penal no STF. Neste caso, assumiria Rodrigo Pacheco, presidente do Congresso e do Senado.

gazetabrasil

Compartilhar

Mais um: Pacheco quer disputar Presidência em 2022

CPI da Covid entra em recesso e só volta a ter depoimentos em agosto

Ajude a manter o site no ar. Faça uma doação de qualquer valor.


Compartilhe nos grupos do Facebook e nas suas redes.