Ataque covarde a Moro fracassa no CNJ e deve ser enterrado também na Câmara e no Senado

VAMOS COMPARTILHAR!

Nesta terça-feira (11), o corregedor-nacional de Justiça, ministro Humberto Martins, arquivou o pedido do PDT que solicitava a instauração de sindicância para investigar as conversas vazadas atribuídas ao ministro da Justiça, Sérgio Moro, publicadas pelo The Intercept.

O pedido do PDT pretendia, em caso de confirmação de irregularidades da conduta de Moro, a abertura de um processo administrativo disciplinar para aplicar penalidade ao ministro da Justiça.

Para a tristeza da oposição, além do arquivamento do supracitado pedido, nesta quarta-feira (12), Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia declararam que não abrirão uma CPI sobre o vazamento das supostas conversas entre Moro e membros da Lava Jato.

Parece que o jornalista americano Glenn Greenwald e a oposição não foram bem sucedidos em suas tentativas de difamar os combatentes da corrupção nacional.

Jornal da Cidade Online


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

VAMOS COMPARTILHAR!