Bia Kicis anuncia que Bolsonaro está preparando novo partido, com homens honrados

COMPARTILHA

A criação de um novo partido esbarra em vários obstáculos da legislação eleitoral.

A deputada Bia Kicis (PSL-DF) afirmou, nesta quinta-feira (17), que, caso não seja encontrada solução para a crise interna na sigla, não descarta criar uma nova legenda para abrigar a ala a favor do presidente da República, Jair Bolsonaro, do Partido Social Liberal (PSL).

Questionada por um seguidor sobre a possibilidade, Kicis deu sinais que esse pode ser um caminho:

“É complicada a criação de um novo partido, a gente precisa de milhões de assinaturas pelo Brasil. Mas isso está sendo preparado. A gente confia que algo de bom está para acontecer. Se o PSL não for refundado, com nova executiva, não restará outra saída.”

Bia Kicis também confirmou que a permanência do clã do presidente no PSL também está ameaçada:

“Para Bolsonaro ficar no partido, o PSL terá de atender algumas exigências do presidente.”

Uma delas, segundo Kicis, é a saída do Delegado Waldir da liderança partidária na Câmara:

“É preciso que o povo que apoiou o Waldir caia na real. Com o Waldir, não dá.”

Renova Mídia

COMPARTILHA