Bolsa bate novo recorde com a aprovação da reforma da Previdência

VAMOS COMPARTILHAR!

Ibovespa tem alta de 1,23% e fecha pela primeira vez no patamar dos 105 mil pontos; investidores acreditam que texto será votado, em dois turnos, até sexta.

O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, renovou seu recorde nesta quarta-feira, 10, com alta de 1,23%, aos 105.817 pontos com a votação da reforma da Previdência no plenário da Câmara dos Deputados.

Até o fechamento do mercado, o texto base da reforma ainda não tinha sido votado. No entanto, na visão dos investidores, o objetivo do governo, de aprovar o texto, em dois turnos, ainda nesta semana deve ser alcançado. A aprovação nesta quarta-feira é tida como certa. O temor era de que a votação ficasse para agosto, já que o Congresso entra em recesso a partir do dia 18 de julho e, por isso, deve estar mais esvaziado na semana que vem.

Apesar de fechar em alta e com novo recorde, o Ibovespa apresentou movimento descendente durante o dia. Pela manhã, o índice chegou a atingir alta de 1,78%. Para Pedro Galdi, analista da corretora Mirae Asset, essa queda é normal. “O entusiasmo estava meio que demasiado. É um movimento natural de realização de lucros (venda das ações) pelos investidores após uma alta muito forte”, afirma ele. “A expectativa é de aprovação do texto no Senado no final de agosto”, completa.

Veja


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

VAMOS COMPARTILHAR!