Caio Coppolla: Só falta decidir se o “Dia do Ladrão” será comemorado em 7 ou 8 de novembro

COMPARTILHA

Caio Coppolla acertou na mosca ao descrever a atual situação criada pelo STF:

O STF passa vergonha andando na contramão da Justiça. Só falta decidir se o “Dia do Ladrão” será comemorado em 7 ou 8 de novembro – deveríamos privilegiar a causa ou a consequência?

E só pra deixar claro: Lula não está livre coisa nenhuma. Ninguém se livra fácil assim de trair a confiança de uma nação. Eu sei que de mim (e de vcs) ele não se livrará tão cedo…

Jornal da Cidade Online

COMPARTILHA