DORIA ESTÁ FELIZ: Após celulares, LG também deve fechar setor de monitores e notebooks em Taubaté, segundo sindicato

Compartilhe!

Demissões na planta de Taubaté podem chegar a 700, caso medida se confirme.

Além de encerrar as atividades de produção de celulares em Taubaté, a LG também pode fechar as linhas de produção de monitores e notebooks na cidade até o final do primeiro semestre. A informação é de Caroline Rossasi, do Band Cidade.

Continua após a publicidade

Caso a medida se concretize, a unidade de Taubaté da empresa teria apenas o call center em funcionamento. O número de demissões pode chegar a 700.

A decisão de encerrar a produção de celulares foi tomada a nível mundial pela LG. Em Taubaté, o impacto atinge 400 dos cerca de 1000 funcionários. Outros 430 funcionários de terceirizadas também podem perder seus empregos.

O sindicato informou sobre as demissões após uma reunião entre representantes da categoria e a LG nesta terça-feira (6). Segundo o Sindmetau, o plano da LG é levar os setores de notebooks e monitores para Manaus.

Band UOL

Compartilhe!

Mulher tem doente intubado em casa e proíbe corte de luz, na marra

Silvio Santos aplica chapéu na Globo e compra Champions League para o SBT

Continua após a publicidade

Comentários


Ajude a manter o site no ar. Faça uma doação de qualquer valor.


Compartilhe nos grupos do Facebook e nas suas redes.