ERRATA: Carol Solberg não perdeu patrocínios

Publicamos a notícia que Carol Solberg teria perdido patrocino do site de apostas BetMotion, mas a notícia não foi confirmada.

Na verdade foi boato que circulou em grupos de whatzap e pedimos desculpas pelo precipitação da publicação da matéria.

O site de jogos online Betmotion não patrocina a jogadora de vôlei de praia Carol Solberg desde novembro de 2019, ou seja, antes de a atleta ter se manifestado contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) durante uma entrevista ao vivo no domingo (20).

Continua depois da publicidade

A empresa confirmou que tinha contrato com a dupla Carol Solberg e Maria Elisa Antonelli. O duo encerrou as atividades em novembro do ano passado e, automaticamente, o apoio da marca acabou. Atualmente, Carol Solberg faz dupla com a jogadora Talita.

No dia 20 de setembro, Solberg gritou “Fora, Bolsonaro” após vencer a disputa pela medalha de bronze da primeira etapa do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia. Ela e Talita derrotaram a dupla Josi e Juliana e conquistaram o título. O protesto foi feito ao vivo em entrevista para o canal SporTV.

A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) repudiou o ato. Em nota, afirmou ser contra manifestações de cunho político. Pelas redes sociais, a jogadora defendeu que “os atletas tenham liberdade de expressão e que saibam da importância da sua voz”.

Militantes defensores do presidente pediram que o Banco do Brasil deixasse de patrocinar Solberg e que o governo cancelasse seu bolsa-atleta. Contudo, segundo a jogadora, ela não é patrocinada pelo banco e não recebe o benefício. Embora a marca da estatal esteja em seu uniforme, isso acontece porque patrocina a CBV.

UOL

COMPARTILHE E COMENTE ABAIXO

Senado faz papelão ao interrogar chanceler por fazer diplomacia

Tudo sobre o Ministro Tarcísio, símbolo de uma nova era

Comente!

Selecionados para você!