Gleise, a louca que não rasga dinheiro… na defesa de Lulinha, atinge a honra de Moro e subestima a PF

COMPARTILHE!

A deputada Gleisi Hoffmann em nota publicada no início da tarde desta terça-feira (10) no site do PT, em razão da 69ª fase da Operação Lava Jato, que desvendou o envolvimento de Lulinha e seus sócios num esquema cabuloso de repasses financeiros suspeitos, deu a exata demonstração de que não anda bem das faculdades mentais.

A parlamentar culpa o ministro Sérgio Moro pela operação que atingiu o filho do ex-presidente. Um absurdo.

Ora, desde 2006 a meteórica ascensão de Lulinha como empresário causa perplexidade em todo o país.

Segundo a Revista Veja, ele passou de monitor do Zoológico de São Paulo a sócio da maior empresa de telefonia do Brasil naquela ocasião.

Essas negociatas com clara aparência de crime, foram alvo de dois inquéritos e a apuração deflagrada desta feita apura crimes de corrupção ativa e passiva, organização criminosa, tráfico de influência internacional e lavagem de dinheiro.

As apurações do MPF indicam pagamentos superiores a 132 milhões de reais e um verdadeiro arsenal de provas foi colhido.

Gleisi no entanto, na tresloucada nota, diz que se trata de uma “operação midiática, espalhafatosa e ilegal”, promovida pelos “procuradores e a PF de Moro”.

Na sequência, abilolada, a deputada diz o seguinte absurdo:

“Chega a ser indecente a insubordinação de Sérgio Moro, seus parceiros e subordinados diante da decisão do STF que reafirmou o princípio constitucional da presunção de inocência para todos os cidadãos, e não apenas Lula, que é o alvo de sua perseguição.”

E prossegue insanamente:

“O ministro da Justiça de Bolsonaro abusa do cargo para pressionar o Congresso a romper uma cláusula pétrea da Constituição. Abusa de seu comando sobre a PF para envenenar a sociedade com mentiras. Acuado, tenta pressionar o próprio Supremo, que tem em pauta o julgamento de um habeas corpus em que é demonstrada, com fatos e provas, a suspeição do ex-juiz, que mentiu, grampeou advogados e cerceou a defesa de Lula.”

Gleisi, o PT e a sociedade sabem perfeitamente da autonomia da Polícia Federal.

Não fosse assim, não haveria Lava Jato, pois o PT pretendeu e tentou de todas as formas frear a PF enquanto esteve no governo e não conseguiu.

A PF é autônoma.

Gleisi enlouqueceu ou é mau-caráter mesmo.

jornaldacidadeonline.com.br/noticias/17711/gleisi-enlouquece-e-na-defesa-de-lulinha-atinge-a-honra-de-moro-e-subestima-a-pf?fbclid=IwAR2QLsC4WVjH2jTpYfrtCOx18_B9uMrhrMVWIyzWpBqz22E_KH2dCUr2qoI