Maia desiste da reeleição, dificulta articulação de Alcolumbre e segue para o caminho do ostracismo

COMPARTILHE A NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS

O deputado federal Rodrigo Maia confirmou que não mais irá pleiteiar a reeleição para a presidência da Câmara dos Deputados.

Algo óbvio, vez que sua candidatura é absolutamente inconstitucional.

De qualquer forma, a declaração pública de Maia, joga mais um balde de água fria nas articulações de Davi Alcolumbre.

Continua depois da publicidade

É o segundo revés consecutivo para o presidente do senado, nos últimos dias.

O episódio envolvendo o senador Chico Rodrigues foi o primeiro revés.

“Cuecão” era um era um dos principais articuladores da esdrúxula e ilegal tese de reeleição de Alcolumbre e já havia iniciado, entre os colegas, um verdadeiro “corpo-a-corpo”, nesse sentido.

Chico e Davi são amigos e correligionários.

O senador que enfiou dinheiro nas nádegas atuava como um “garoto de recados” de Alcolumbre, com o objetivo final de conseguir a sonhada alteração na Constituição.

Quanto a Maia, a partir de 2021 será apenas uma figura de triste lembrança no cenário político brasileiro.

Possivelmente, só voltará a ser lembrado em 2023, quando perder a disputa de reeleição para a Câmara e ficar sem o foro privilegiado.

Quem viver verá!

JCO

COMPARTILHE A NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS

China altera drasticamente passagem da Bíblia em livro didático

Capitão da PM assume dianteira e deve impor fragorosa derrota a Ciro, Cid e PT em Fortaleza