MUI AMIGOS! Cristina Kirchner responde a Bolsonaro e o chama de ‘racista, misógino e violento’

É PRA COMPARTILHAR!

Alberto Fernández afirma, entretanto, que Brasil é o principal sócio da Argentina e presidente brasileiro é apenas ‘circunstância da vida’
BUENOS AIRES — O candidato da oposição à Presidência da Argentina, Alberto Fernández , companheiro de chapa da ex-presidente e senadora Cristina Kirchner , respondeu na noite de segunda-feira às críticas feitas a eles pelo presidente Jair Bolsonaro , a quem classificou de “racista, misógino e violento”. Fernández, entretanto, disse que o presidente brasileiro é apenas uma “circunstância da vida” e que pretende manter boas relações com o Brasil.

— Em termos políticos, eu não tenho nada a ver com Bolsonaro. Comemoro enormemente que ele fale mal de mim. É um racista, um misógino, um violento. O que eu pediria ao presidente Bolsonaro é que deixe Lula livre e pediria que se submeta a eleições com Lula em liberdade — disse Fernández, que obteve uma vitória esmagadora contra o presidente Mauricio Macri, candidato à reeleição, nas eleições primárias realizadas no domingo.

As declarações foram feitas horas depois de Bolsonaro, que vem apoiando abertamente a reeleição de Macri, dizer que o Brasil poderia ver ” irmãos argentinos fugindo para cá ” caso o que ele chama de “esquerdalha” vença as eleições presidenciais de 27 de outubro. Na segunda-feira, auxiliares do presidente ligados à ala ideológica do governo não descartaram nem sequer rever a participação do Brasil no Mercosul caso a vitória da chapa Fernández-Kirchner se confirme.

Durante a entrevista, concedida ao programa de televisão Corea del Centro da emissora Net TV, o ex-chefe de Gabinete do presidente Néstor Kirchner (2003-2007) buscou ressaltar a boa relação entre Brasil e Argentina, afirmando que o governo Bolsonaro é apenas uma “conjuntura da vida”:

— Com o Brasil, teremos uma relação esplêndida. O Brasil sempre será nosso principal sócio. Bolsonaro é uma conjuntura na vida do Brasil, como Macri é uma conjuntura na vida da Argentina.

G1


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

É PRA COMPARTILHAR!