Novo ministro da Educação dispara: “Uma pessoa que sabe ler e escrever não vota no PT”

Compartilhe nas suas redes sociais!

Em entrevista para o Estadão, o novo ministro da Educação, Abraham Weintraub, explicou uma série de coisas bastante significativas.

“Não sou caçador de comunistas. Não gosto do comunismo, mas aceito o comunista. Quero a redenção dele”, afirmou ele.

E continuou: “Meu avô foi para campo de concentração. E como ele escapou? Tinha um sargento da SS que protegia ele dentro do campo e o salvou. O cara falou: isso aqui é loucura. Meu avô foi parar no campo com 14 anos”.

E para concluir, explicou qual é o caminho para derrotar o petismo: “Uma pessoa que sabe ler e escrever e tem acesso à internet não vota no PT.  A matemática é inimiga do obscurantismo. Eu não sou contra o petista. Tenho amigos que são petistas. Pessoas boas que não conseguem se livrar. Eu converso com as pessoas. Não é que eu tenho: ‘ah, demônio!’ Agora, sou contra o obscurantismo”.

Estadão e O Antagonista.


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

Compartilhe nas suas redes sociais!