O terrorismo, as ameaças e o revanchismo dos reitores das universidades federais

Quem é patriota compartilha!

O terrorismo que algumas universidades estão fazendo com as comunidades onde estão inseridas, é assustador…

Eu, do lado de cá, consciente do poder de uma reitoria, continuo batendo na tecla:

“Calma… não é tão simples assim fechar um campi!”

Pensem em quantas vidas uma atitude dessas afetaria, ninguém tem esse poder absoluto sozinho, sem que haja um debate amplo, incluindo a comunidade, prefeituras e políticos eleitos na região, que fariam esforços para aprovarem emendas parlamentares para trazer recursos e evitar o fechamento.

É desumano alguém que detém o poder científico, o poder intelectual, usar de revanchismo contra um povo que, em sua maioria, elegeu um candidato à presidência que não é do gosto da comunidade acadêmica.

Falar, todos falam, o complicado é fazer e não há necessidade de provocar uma comunidade simples e acolhedora.

O que mais me assusta, é ver que pessoas que estão fazendo chantagem eleitoreira, são as mesmas que no próximo ano irão pedir votos à comunidade para eleger alguém.

Lutem pela manutenção da universidade porque ela merece, principalmente aquelas que nunca se envolveram em nenhuma denúncia de abusos financeiros, mas sapatear em cima de um povo humilde é o ápice do mau-caratismo.

É uma pena que ninguém dessas cidades tenha coragem de bater de frente com a poderosa elite intelectual local.

Terrorismo financeiro não pode ser aceito como palanque político!

A sociedade não é refém de instituição alguma!

Raquel Brugnera
Jornal da Cidade Online


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

Quem é patriota compartilha!