Pacheco critica política feita com ‘agressividade’ e ‘ironia’

Compartilhar

‘Nossos inimigos não estão entre os poderes’, afirmou o presidente do Senado, que continuou: ‘o inimigo é a pobreza’.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), criticou nesta terça-feira, 14, a política feita com “agressividade ou com ironia”. Segundo ele, esta postura é um caminho “sem volta” e nefasto” que “não levará o Brasil a lugar algum”.

A declaração foi feita durante evento em Brasília que debateu os investimentos na internet 5G. Na ocasião, Pacheco também pregou a importância de união entre os poderes para o enfrentamento dos reais problemas do país.

“Nossos inimigos não estão entre os poderes, não estão nas instituições, tão pouco estão na relação com o público, com o privado. O inimigo é a pobreza, a fome, a miséria, o desemprego, as crises energéticas e hídrica que estamos enfrentando”, afirmou.

revistaoeste

Compartilhar

Pagou, ganhou! Justiça concede habeas corpus e João de Deus volta para prisão domiciliar

“C* mais caro do muuuuundo!”, diz Roberto Jefferson sobre indenização de R$ 300 mil a Eduardo Leite

Ajude a manter o site no ar. Faça uma doação de qualquer valor.


Compartilhe nos grupos do Facebook e nas suas redes.