Roberto Jefferson conta detalhes da ameaça de morte pelo PCC

Compartilhe!

Durante a fantástica manifestação patriótica, na Avenida Paulista, Roberto Jefferson discursava em cima de um trio elétrico quando foi interrompido.

Havia uma fundada suspeita de que o PCC cometeria um atentado contra ele.

Continua após a publicidade

O ex-deputado foi retirado do local pela Polícia Militar.

Ligamos para o Roberto Jefferson para saber como ele estava e se poderia falar sobre o assunto.

Por telefone, revelou que enquanto falava no trio elétrico, uma pessoa se colocou à sua frente e ele foi na mesma hora orientado a ir para o camarim do trio.

Lá, foi informado pela Polícia Militar sobre o atentado que estava planejado e lhe deram um colete à prova de balas.

Em seguida, foi escoltado para sair da Avenida Paulista em segurança.

Perguntado se sentiu medo em algum momento, ele respondeu:

“Não tive medo em nenhum momento”.

Confira o vídeo:

Compartilhe!

Faustão golpeia Globo e vai levar diretor do Domingão e patrocinadores para a Band

Sob nova direção PF prende traficante do cartel de Medellin

Continua após a publicidade

Comentários


Ajude a manter o site no ar. Faça uma doação de qualquer valor.


Compartilhe nos grupos do Facebook e nas suas redes.