SNIPER EXPLODE A CABEÇA DE ASSALTANTE DE VIRACOPOS! Mãe e criança reféns são liberadas após 2h

COMPARTILHA

Quadrilha levou carga de dinheiro de transportadora e, durante a fuga, bloqueou rodovia com caminhões incendiados.

Um criminoso suspeito de participar do roubo em Viracopos nesta quinta-feira (17) foi morto após fazer um bebê de 10 meses e a mãe dele reféns em uma casa no bairro Vida Nova, em Campinas (SP), próxima ao aeroporto. O sequestro durou cerca de duas horas e, segundo o comandante do Gate, um sniper atingiu o sequestrador.

O bebê saiu da casa ileso. A mulher foi socorrida pela equipe do Corpo de Bombeiros com um ferimento na nádega esquerda e encaminhada ao Hospital da PUC. O criminoso morreu no local. Segundo o Gate, as negociações começaram por volta de 12h e acabaram às 14h06.

Outros dois criminosos foram mortos durante a fuga do roubo em Viracopos.

“As negociações caminhavam muito bem até que o meliante com a arma na cabeça da refém, que tinha a filha no colo, se aproximou da porta e aumentou a agressividade de forma desconhecida, então o sniper que estava posicionado do outro lado da rua efetuou um disparo, um tiro de comprometimento, e a equipe tática fez a invasão”, informou o comandante do Gate, Luiz Augusto.

Segundo o policial, a equipe que invadiu o imóvel ainda fez novos disparos contra o criminoso que fazia mãe e bebê reféns.

A advogada Alessandra Giradi, que disse representar Luciano Santos Barros, o suspeito morto dentro da residência, informou que saiu de São Paulo até o local do sequestro para que o cliente se entregasse. Segundo ela, o homem, que ela confirmou ter participado do roubo no aeroporto, iria se entregar e foi “executado”.

G1

COMPARTILHA