SUMIU! Chinês que diz ter editado genes de bebês desaparece e levanta suspeita de prisão, dizem jornais

Compartilhe essa notícia!

Universidade nega que He Jiankui tenha sido preso. Cientista não é encontrado desde a última quarta-feira, após evento em Hong Kong.

O cientista chinês que diz ter editado genes de bebês, He Jiankui, está desaparecido, segundo jornais locais. O paradeiro ocorre desde a quarta-feira (28), quando ele se pronunciou em evento científico em Hong Kong, e levanta suspeitas de que ele possa estar em prisão domiciliar.


A Universidade de Ciência e Tecnologia do Sul negou, no entanto, as alegações de que seu ex-pesquisador esteja preso. Um porta-voz da instituição disse ao “South China Morning Post” que “nenhuma informação está confirmada, apenas as que estão nos canais oficiais”.

“Nós não podemos responder a mais perguntas sobre o assunto agora, mas, se tivermos alguma informação, vamos atualizá-los”, completou o porta-voz ao jornal chinês. A universidade anunciou que irá investigar o acadêmico e também disse que não tinha conhecimento do projeto.

O governo chinês disse que irá punir os envolvidos no projeto de edição genética, mas ainda não anunciou oficialmente como isso será feito. Em alguns sites e nas redes sociais, He é chamado de “Frankenstein da China”.

Fonte: G1


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

Compartilhe essa notícia!