Terça Livre: Desembargador manda reativar canal no youtube e dobra multa

COMPARTILHE A NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS

A Justiça de São Paulo negou um recurso do YouTube, nesta sexta-feira (19), que pedia para manter suspenso o canal Terça Livre, do jornalista Allan dos Santos. Com isso, a plataforma continua sendo obrigada a reativar o canal.

Em seu despacho, o desembargador Mathias Coltro, da 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo, argumentou que “as razões que conduziram ao deferimento da liminar remanescem”.

Além de não aceitar o pedido, Mathias Coltro determinou que a multa diária de R$ 5 mil passasse para R$ 10 mil, em caso de descumprimento da decisão judicial.

O YouTube não se manifestou sobre a nova derrota.

Terça Livre

Ajude-me a manter o site no ar. Faça uma doação de qualquer valor.

COMPARTILHE A NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS

MORAL! Relatora de Daniel foi condenada pro improbidade administrativa

Bolsonaro diz que na próxima semana haverá mais trocas no governo