‘Terrivelmente cristão’, Ives Gandra Martins Filho é nome forte para o STF

Ex-presidente do TST é um dos três nomes que Bolsonaro “namora” para vaga no STF.

O ministro Ives Gandra Martins Filho, ex-presidente do Tribunal Superior do Trabalho, é um dos três nomes que o presidente Jair Bolsonaro disse estar “namorando” para a próxima vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). Isso ocorrerá após a “expulsória” do ministro Celso de Mello, em 1º de novembro, aos 75 anos. Conservador, cristão, sério e honrado, mas sempre de bem com a vida, Martins Filho doou o salário de ministro do TST à Igreja Católica e fez voto de pobreza. Vai à missa diariamente. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Ives Gandra Martins Filho vive modo franciscano, em um quarto simples do centro cultural de uma igreja da Asa Norte de Brasília.

Continua depois da publicidade

O ex-presidente do TST é também admirado pelo saber jurídico, e tem um relacionamento muito próximo com todos os ministros do STF.

Entre os “torcedores” da nomeação do filho do jurista Ives Gandra para o STF estão os ministros Dias Toffoli e Gilmar Mendes.

Diário do Poder

COMPARTILHE A NOTÍCIA EM SUAS REDES SOCIAIS

Barroso faz alerta para “dois “vírus”: a pandemia e as fake news”

Senado faz papelão ao interrogar chanceler por fazer diplomacia

Selecionados para você!