URGENTE! Bolsonaro veta perdão a dívidas tributárias de igrejas e templos

COMPARTILHE AGORA E COMENTE LOGO ABAIXO


BOLSONARO: AS ABSURDAS MULTAS ÀS IGREJAS! “Fui obrigado a sancionar R$2 bilhões para o Fundão Partidário”

O presidente Jair Bolsonaro classificou as multas às igrejas como “absurdas”.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, decidiu vetar uma parte do perdão das dívidas tributárias de igrejas e templos religiosos.

Continua depois da publicidade

A medida estava prevista em um projeto de lei aprovado às pressas pelo Congresso Nacional no mês passado.

Em publicação nas redes sociais, na manhã desta segunda-feira (14), Bolsonaro explicou que a medida era necessária para evitar que respondesse a um processo de impeachment por crime de responsabilidade fiscal.

Apesar disso, o chefe do Executivo se mostrou favor da não tributação de templos e contra “as absurdas multas às igrejas”.

Bolsonaro sugeriu ainda que deputados e senadores derrubem o veto, permitindo, dessa forma, a sanção do projeto original sem nenhum tipo de implicação para ele.

COMPARTILHE AGORA E COMENTE LOGO ABAIXO

Bretas será julgado por ir a ato com Bolsonaro

Bolsonaro: “Eu sabia que não seria fácil, mas nunca imaginei a extensão da bandidagem”