VALE NADA: Voluntário com cão resgatado interrompe entrevista da Vale e diz que empresa é criminosa

Compartilhe nas suas redes sociais!

Diretor da Vale anuncia repasse de R$ 80 milhões a Brumadinho; voluntário interrompe entrevista e diz que empresa é criminosa

Dinheiro será compensação pela queda de arrecadação de impostos; Luciano Siani foi interrompido por homem que levava cachorro resgatado da lama.

O diretor-executivo de Finanças e Relações com Investidores da Vale, Luciano Siani, convocou a imprensa, no fim da tarde desta quinta (31), para dizer que a mineradora deve repassar R$ 80 milhões a Brumadinho ao longo de dois anos, como forma de compensar os impostos que deixam de ser arrecadados. Quase no fim da fala, foi interrompido por um homem, carregando um cachorro nos braços, que gritou: “A Vale é criminosa”.

O homem não foi identificado. Sabe-se que é voluntário e veio de São Paulo trazendo doações. O cachorro que carregava, segundo ele mesmo anunciou, foi resgatado com vida após o rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, ocorrida na última sexta-feira (25).


NOSSO GRUPO NO WHATSAPP! Entre aqui!

Participe dos debates nos grupos!

Compartilhe nas suas redes sociais!