VÍDEO: Pichou “Bolsonaro Assassino” e visitou 3 vezes o Palácio dos Bandeirantes

COMPARTILHE!

O Ministério Público e a Polícia Civil de São Paulo começaram uma apuração para investigar possível relação entre o Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo do Estado, com os autores de pichações feitas em São Paulo (SP) com os dizeres ‘Bolsonaro assassino’.

As pichações foram feitas em quatro pontos da cidade de São Paulo: três na avenida Alcântara Machado, números 60, 73 e 4188 A, e um no número 434 do viaduto Engenheiro Alberto Badra, todos na zona leste. O boletim de ocorrência, feito no dia 14 de abril, registra a infração contra um homem chamado Pedro de Campos Pereira.

Câmeras de segurança gravaram a ação e a polícia conseguiu reconhecer o veículo utilizado por dois dos pichadores – trata-se de um celta vermelho placa DIF 4653. O carro foi identificado em nome de uma funcionária da Infraero. Procurada, a empresa informou que a servidora prestou informações à polícia, mas negou envolvimento com o caso, já que o carro em questão, segundo ela, havia sido vendido.

COMPARTILHE!

260 mil deslikes, até agora: Vídeo de Moro anunciando estreia de ‘coluna’ na Crusoé reflete o sentimento do Brasileiro

Tudo foi por dinheiro: apenas 1.510 pacientes foram tratados no Hospital de Campanha do Pacaembu, que encerrará suas atividades